Pacheco e Lira não sabiam de reunião do Conselho da República anunciada por Bolsonaro

Os presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco, e da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, não têm conhecimento de reunião do Conselho da República anunciada nesta terça-feira (7) pelo presidente Jair Bolsonaro durante discurso para seus apoiadores, em Brasília.
‘Ou o chefe desse poder enquadra o seu, ou esse poder pode sofrer aquilo que nós não queremos’, diz Bolsonaro
Segundo interlocutores de Lira e Pacheco, até o início da tarde desta terça eles não haviam recebido nenhum convite oficial do Palácio do Planalto sobre reunião do Conselho da República, que tem, entre suas funções, discutir a decretação de estado de sítio ou de defesa no país diante de um momento de distúrbios sociais ou ameaça à segurança do país.
O Conselho da República tem um caráter consultivo. A avaliação feita junto com o conselho não obriga o presidente a decretar medidas como intervenção federal, estado de defesa ou estado de sítio. Em 2018, ele foi chamado para discutir a decretação da intervenção federal na segurança do Rio.
O ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, também não está informado da reunião, segundo assessores. Ele foi, inclusive, procurado por chefes de outros poderes após o anúncio de Bolsonaro.
VÍDEOS: assista a mais notícias sobre política