Em quase 16 meses, Rio Grande do Sul acumula 33.205 mortes por coronavírus

Publicado nesta quarta-feira (28), o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (SES) elevou para 1.358.763 a quantidade de testes positivos de coronavírus registrados no Rio Grande do Sul até agora, dos quais 33.205 resultaram em óbito. A estatística foi engrossada por 3.361 novos casos e 58 mortes, na faixa de 34 a 94 anos.

Dentre os gaúchos infectados até agora, 1.314.653 (97%) já se recuperaram, em todos os 497 municípios do Rio Grande do Sul. Outros 10.813 (1%) são considerados casos ativos (em andamento), o que abrange desde os assintomáticos em quarentena domiciliar até casos graves atendidos em hospitais. Confira, a seguir, as perdas humanas.

– Canoas (homem, 34 anos);
– Novo Hamburgo (homem, 35 anos);
– Dom Pedrito (mulher, 41 anos);
– Uruguaiana (homem, 41 anos);
– Novo Hamburgo (mulher, 42 anos);
– São Lourenço do Sul (homem, 43 anos);
– Cacequi (homem, 46 anos);
– Não-Me-Toque (homem, 48 anos);
– Porto Alegre (mulher, 49 anos);
– Pedras Altas (mulher, 50 anos);
– Caxias do Sul (homem, 53 anos);
– Caxias do Sul (homem, 54 anos);
– Passo Fundo (homem, 54 anos);
– Cachoeira do Sul (mulher, 56 anos);
– Canoas (mulher, 56 anos);
– Canoas (mulher, 56 anos);
– Santa Maria (homem, 57 anos);
– Novo Hamburgo (homem, 59 anos);
– Guarani das Missões (homem, 60 anos);
– Araricá (mulher, 61 anos);
– Santa Cruz do Sul (homem, 60 anos);
– Canoas (mulher, 61 anos);
– Passo Fundo (homem, 63 anos);
– Balneário Pinhal (homem, 64 anos);
– Camaquã (homem, 66 anos);
– Novo Hamburgo (homem, 66 anos);
– Porto Alegre (homem, 67 anos);
– São Leopoldo (homem, 67 anos);
– Osório (homem, 68 anos);
– Santa Cruz do Sul (mulher, 68 anos);
– São Gabriel (mulher, 69 anos);
– Bagé (mulher, 70 anos);
– Arroio do Sal (mulher, 71 anos);
– Muçum (homem, 72 anos);
– Panambi (homem, 73 anos);
– Veranópolis (mulher, 74 anos);
– Porto Alegre (mulher, 76 anos);
– Santa Cruz do Sul (homem, 76 anos);
– Canoas (homem, 79 anos);
– Estação (mulher, 79 anos);
– Cachoeirinha (homem, 80 anos);
– Rio Pardo (homem, 80 anos);
– São Leopoldo (mulher, 80 anos);
– Cachoeira do Sul (homem, 81 anos);
– Esteio (homem, 82 anos);
– Passo Fundo (mulher, 82 anos);
– Sapucaia do Sul (homem, 82 anos);
– Eldorado do Sul (homem, 83 anos);
– Barão (homem, 85 anos);
– Bento Gonçalves (homem, 85 anos);
– Caxias do Sul (mulher, 85 anos);
– Porto Alegre (homem, 85 anos);
– Santa Cruz do Sul (mulher, 86 anos);
– Esteio (homem, 87 anos);
– Gravataí (homem, 88 anos);
– Porto Alegre (homem, 91 anos);
– Santa Cruz do Sul (homem, 91 anos);
– Porto Alegre (mulher, 94 anos).

Internações

A taxa média de ocupação das unidades de terapia intensiva (UTIs) por adultos estava em 65,2% no início da noite (contra 66,2% na véspera), conforme o painel de monitoramento covid.saude.rs.gov.br. O índice resulta da proporção entre 2.228 pacientes internados para um total de 3.415 leitos da modalidade em 301 hospitais.

Essas 1.187 vagas disponíveis representam a maior quantidade já observada desde a chegada oficial da pandemia ao Rio Grande do Sul, em março do ano passado. As autoridades em saúde do Estado atribuem esse aumento a aspectos como o avanço da campanha de vacinação, que começa a mostrar resultados efetivos, mesmo com o processo ainda em andamento.

Imunização

Já no que se refere à aplicação de vacinas contra o coronavírus, quase 6,11 milhões de habitantes do Estado já receberam a primeira dose, o que representa 78,4% do grupo prioritário (5,25 milhões de gaúchos), 71,4% dos indivíduos vacináveis (8,95 milhões de adultos em geral) e 56,2% da população geral (11,37 milhões) dos 497 municípios.

O esquema completo de imunização, por sua vez, contempla até agora mais de 2,66 milhões – seja quem recebeu duas doses para fármacos com esse sistema ou os contemplados pela vacina da Janssen (apenas uma injeção). Isso representa 49,5% do grupo prioritário, 33% dos indivíduos vacináveis e 26% da população geral do Estado.

No caso específico da Janssen, as aplicações – iniciadas no dia 26 de junho – já contemplaram 288.421 gaúchos. A informação consta na base de dados da Secretaria Estadual da Saúde, atualizada diariamente por meio das redes sociais e de link específico no site estado.rs.gov.br.

(Marcello Campos)