2º brasileiro e família são retirados do Afeganistão, diz Itamaraty

Cidadão brasileiro e 6 familiares afegãos foram levados até o Paquistão, em operação terrestre feita pela Embaixada do Brasil em Islamabad junto com o governo paquistanês. O governo brasileiro retirou do Afeganistão o segundo cidadão brasileiro que havia pedido para deixar o país junto com a sua família, afirmou o Itamaraty na noite de segunda-feira (30). A identidade dele e dos familiares não foi revelada.
Na sexta-feira (27), o Ministério das Relações Exteriores tinha informado que retirou um primeiro cidadão brasileiro e que permanecia em “intensa articulação” para resgatar um segundo brasileiro.
“O governo brasileiro concluiu, com êxito, a retirada do Afeganistão de dois nacionais brasileiros, bem como de suas famílias, que haviam solicitado auxílio do Itamaraty para deixar aquele país”, afirmou o ministério em nota. “Todos se encontram em boas condições de saúde e em segurança”.
Segundo o Itamaraty, o primeiro brasileiro estava acompanhado de cinco familiares afegãos e foi evacuado para a Espanha na quinta-feira (26), com ajuda dos governos da Alemanha e da Espanha.
No domingo (29), um segundo cidadão brasileiro e seis familiares afegãos foram levados até o Paquistão, em operação terrestre feita pela Embaixada do Brasil em Islamabad junto com o governo paquistanês.
O Itamaraty disse também que “segue monitorando a situação dos cidadãos brasileiros que manifestaram interesse em permanecer no Afeganistão” e que está “atento aos pedidos de afegãos com visto de residência no Brasil, dentro das possibilidades legais de apoio a estrangeiros”.
VÍDEOS: as últimas notícias internacionais