Três pessoas são presas durante operação policial por furto de materiais de telefonia e internet no RS

A Polícia Civil efetuou a prisão de três pessoas que agiam à frente de inúmeros furtos de materiais de telefonia, especialmente estações que sustentam sites e antenas que transmitem serviços de internet.

A operação batizada de “Quebra de Confiança” foi deflagrada na noite desta terça-feira (25) pela DRCP (Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados), do DEIC (Departamento Estadual de Investigações Criminais).

Após meses de investigação, os policiais cumpriram dois mandados de prisão preventiva em Guarapuava, no Paraná, e a terceira prisão foi efetuada em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul. Também foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão.

Ainda de acordo com a polícia, os furtos eram praticados por funcionários de uma empresa terceirizada contratada pelas operadoras de telefonia. Os três presos foram encaminhados para o DEIC. Eles poderão responder pelos crimes de associação criminosa, furto qualificado, com pena de reclusão de dois a oito anos, e multa.