Rio Grande do Sul se aproxima das 28 mil mortes causadas pelo coronavírus

O Rio Grande do Sul registrou nesta sexta-feira (28) 695 novos casos de covid-19 e mais 122 mortos, conforme boletim epidemiológico da SES (Secretaria da Saúde). Desde o início da pandemia, o Estado teve 1.074.821 casos confirmados e 27.990 óbitos pela doença.

Conforme o órgão, destes, 1.028.424 estão recuperados e 18.325 estão em acompanhamento. A taxa de ocupação de leitos UTI em geral está em 85,3%, com 84.827 hospitalizações.

Nos 497 municípios gaúchos, do grupo prioritário, 58.5% receberam a primeira dose da vacina e 27.9% a segunda dose, totalizando 4.540.641 pessoas.

Perdas humanas

— Alegrete – 50

— Alegrete – 66

— Alegrete – 56

— Alegrete – 92

— Alegrete – 75

— Alegrete – 54

— Augusto Pestana – 59

— Bagé – 57

— Bagé – 49

— Bagé – 58

— Bento Gonçalves – 64

— Caçapava do Sul – 61

— Cachoeira do Sul – 62

— Cachoeirinha – 47

— Campestre da Serra – 87

— Candelária – 54

— Canguçu – 48

— Canoas – 69

— Canoas – 73

— Canoas – 60

— Canoas – 73

— Canoas – 69

— Canoas – 63

— Canoas – 91

— Canoas – 67

— Canoas – 82

— Capivari do Sul – 65

— Carazinho – 59

— Carazinho – 57

— Casca – 41

— Caxias do Sul – 78

— Caxias do Sul – 88

— Caxias do Sul – 79

— Caxias do Sul – 59

— Caxias do Sul – 35

— Caxias do Sul – 69

— Caxias do Sul – 85

— Caxias do Sul – 52

— Caxias do Sul – 39

— Cerro Grande do Sul – 31

— Cruz Alta – 50

— Dom Pedrito – 56

— Esteio – 54

— Farroupilha – 75

— Faxinalzinho – 44

— Flores da Cunha – 78

— Flores da Cunha – 58

— Gravataí – 72

— Gravataí – 52

— Gravataí – 45

— Gravataí – 59

— Gravataí – 59

— Gravataí – 55

— Guaporé – 59

— Ibirubá – 61

— Ijuí – 59

— Jaguarão – 67

— Lagoa Vermelha – 72

— Lagoa Vermelha – 43

— Manoel Viana – 83

— Maquiné – 38

— Mormaço – 76

— Nova Esperança do Sul – 34

— Novo Hamburgo – 77

— Novo Hamburgo – 56

— Passo do Sobrado – 96

— Passo Fundo – 40

— Pedro Osório – 64

— Pelotas – 67

— Pelotas – 88

— Pelotas – 81

— Pelotas – 68

— Pelotas – 54

— Porto Alegre – 60

— Porto Alegre – 53

— Porto Alegre – 88

— Porto Alegre – 70

— Porto Alegre – 67

— Porto Alegre – 84

— Porto Alegre – 88

— Porto Alegre – 98

— Porto Alegre – 81

— Porto Alegre – 84

— Porto Alegre – 77

— Porto Alegre – 73

— Porto Alegre – 79

— Porto Alegre – 85

— Porto Alegre – 85

— Rio Grande – 61

— Rio Grande – 62

— Rio Grande – 63

— Riozinho – 72

— Rodeio Bonito – 84

— Sananduva – 48

— Santa Cruz do Sul – 31

— Santa Cruz do Sul – 68

— Santa Maria – 81

— Santa Maria – 70

— Santiago – 81

— Santiago – 48

— Santo Ângelo – 51

— Santo Ângelo – 38

— São Leopoldo – 65

— São Leopoldo – 63

— São Leopoldo – 54

— São Leopoldo – 70

— São Leopoldo – 73

— São Marcos – 90

— São Marcos – 88

— Sapucaia do Sul – 52

— Sapucaia do Sul – 58

— Seberi – 80

— Selbach – 77

— Sertão – 44

— Sertão Santana – 43

— Três de Maio – 84

— Uruguaiana – 52

— Uruguaiana – 58

— Uruguaiana – 49

— Vera Cruz – 85

— Vera Cruz – 82

— Vitória das Missões – 82.

Gestantes e puérperas

Segundo a SES, no primeiro quadrimestre de 2021, o número de internações por covid-19 em gestantes e puérperas no Estado superou todo 2020 Foram 199 em 2020, enquanto que nos primeiros quatro meses deste ano o número chegou a 323.

Nas UTIs, as internações foram de 40 para 106, com uma mortalidade que passou de 15% para 38% nestes casos. A quantidade total de óbitos maternos passou de cinco para 35.