Receita Federal estima que 144 mil gaúchos ainda não declararam o Imposto de Renda 2021

Cerca de 143,9 mil gaúchos correm contra o tempo para enviar a declaração do Imposto de Renda 2021. O prazo para a prestação de contas se encerra na próxima segunda-feira (31) e, segundo boletim divulgado pela Receita Federal neste sábado (29), apenas 7% dos contribuintes que vivem no Rio Grande do Sul ainda não submeteram a documentação.

Até agora, 2.056.062 pessoas já concluíram o processo – que acontece, virtualmente, no site da Receita. Também é possível fazer a declaração por meio de um programa de computador e do aplicativo Meu INSS, disponível para celulares Android e iOS. No momento, o sistema registra média de 66 mil acessos por hora.

Em todo o Brasil, 3,2 milhões de contribuintes ainda não colocaram o imposto em dia. Pelo menos 28,7 milhões de declarações foram entregues – sendo que, na maioria dos casos, o certificado digital não foi emitido. Apenas 99,1 mil brasileiros já estão livres da prestação de contas.

A entrega é obrigatória para quem recebeu acima de R$ 28.559,70 em rendimentos tributáveis em 2020 – valor que equivale a um salário acima de R$ 1.903,98, incluído o décimo terceiro. Também deve entregar a declaração quem tenha recebido rendimentos isentos acima de R$ 40 mil em 2020.

Os contribuintes que obtiveram ganho de capital na venda de bens ou realizaram operações na Bolsa de Valores devem prestar contas, assim como quem possui patrimônio acima de R$ 300 mil. Por fim, será cobrado o IR de quem optou pela isenção de imposto de venda de um imóvel residencial para a compra de um outro imóvel em até 180 dias.