População de Canoas decide aguardar a vacina dos profissionais da educação para a volta às aulas presenciais

Uma consulta popular feita entre às 12h de quarta-feira (28) e às 12h desta quinta-feira (29), revelou que os moradores de Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, preferem aguardar a vacina dos profissionais da educação para o retorno às aulas presenciais da rede municipal de ensino.

Ao todo, foram computados 16.743 votos, sendo 14005 válidos (75,27%) e 2738 inválidos (24,73%). Foram invalidados 443 votos por CPF; 817 por Idade; 861 por CEP e 789 por duplicidade.

Das pessoas que têm filho na escola, 71% não quer a volta presencial ainda, contra 28% que votaram pelo retorno. Das que não têm filho na escola, 83.92% não querem a volta ainda e 16.08% votaram pela volta às aulas presenciais.

As aulas da rede municipal na cidade começaram em 28 de fevereiro (Educação Infantil) e 1º de março (Ensino Fundamental), de forma remota, e a participação dos alunos nesta modalidade é de mais de 82%.