Polícia resgata cachorro que foi obrigado a inalar fumaça de maconha em Esteio

Após denúncia de maus-tratos, a Polícia Civil resgatou, na manhã desta segunda-feira (19), um cachorro no bairro Tamandaré, em Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O animal, chamado Pirata, foi obrigado a inalar fumaça de um cigarro de maconha.

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa do dono do cão. O homem, que possui antecedentes por lesão corporal e perturbação do sossego, será indiciado por maus-tratos contra animais. Ele não teve a identidade revelada.

Imagens obtidas pela polícia mostram o homem balançando o cachorro e colocando um cigarro de maconha na frente do focinho do animal, que tem 8 anos de idade e é da raça pinscher.