Após atrasos em viagens e fechamento de estação, Trensurb normaliza viagens entre Novo Hamburgo e Porto Alegre

Os passageiros da Trensurb enfrentaram problemas na manhã deste sábado (22). Segundo a empresa, em virtude de falta de energia, a sinalização de via foi afetada no trecho da Estação São Leopoldo. Os trens circulavam com atrasos entre as estações Mercado até Unisinos, em ambos os sentidos, e da Estação Rio dos Sinos a Novo Hamburgo. No início da manhã, a Estação São Leopoldo permaneceu fechada. A Metroplan teve de ser acionada para reforçar o serviço de ônibus naquele trecho e atender a população prejudicada.

Por volta das 8h, a Trensurb informou que os trens voltaram a circular de Novo Hamburgo a Porto Alegre, em ambos os sentidos. No trecho de São Leopoldo, os trens circulavam em uma única via.

Obras em estações

A empresa já havia informado que neste sábado (21) e domingo, os trens da Trensurb circulariam – em ambos os sentidos – em via única no trecho da Estação São Leopoldo. O motivo é a continuidade da colocação de piso cerâmico e podotátil em uma das plataformas, parte das obras de acessibilidade e modernização das estações do metrô. Dessa forma, os trens circularão no trecho, em ambos os sentidos, pela via por onde normalmente circulam as composições em direção à Estação Mercado. Por isso, os passageiros que embarcarem no trem na Estação São Leopoldo devem estar atentos aos indicadores de destino das composições neste final de semana.

Segundo a empresa, os intervalos entre viagens não deveriam sofrer alterações. O intervalo entre as viagens nos sábados é de 20 minutos, segundo a Trensurb. No entanto, até o começo da noite, o intervalo era de 30 minutos entre a Estação São Leopoldo e a Unisinos, devido a uma manutenção programada.