Cidades do RS suspendem aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid; veja lista


Conselho das Secretarias Municipais de Saúde estima que 350 cidades estão com dificuldades para prosseguir a vacinação. Secretaria Estadual da Saúde aguarda entrega de novas doses da CoronaVac para 3 de maio. Prefeituras de vários estados interrompem aplicação da 2ª dose da vacina contra Covid-19
A falta de vacinas CoronaVac fez com que alguns municípios do Rio Grande do Sul suspendessem a aplicação da segunda dose na população. Segundo o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Cosems), até esta quarta-feira (28), 350 prefeituras já anunciaram dificuldades para prosseguir a imunização. Veja a situação das principais cidades abaixo.
O presidente do Cosems, Maicon Lemos, acredita que o problema deve se confirmar em quase todos os 497 municípios do RS nos próximos dias.
“Nós aguardamos que se restabeleça a produção nacional, através do Instituto Butantan, e que nós recebamos, o mais breve possível, para aplicar na nossa população”, disse.
O problema atrasa a imunização daqueles que tomaram a primeira dose da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan. Como o Ministério da Saúde recomendou que todos os lotes entregues fossem destinados à primeira aplicação, algumas cidades ficaram sem estoque para o reforço.
A Secretaria Estadual da Saúde (SES) calcula que 263 mil pessoas estão com a segunda dose pendente. Na terça (27), a titular da pasta, Arita Bergmann, disse que o estado espera receber novos lotes da CoronaVac a partir de 3 de maio. Ao G1, o Ministério da Saúde não confirmou a data.
A imunização contra a Covid com doses da vacina de Oxford/AstraZeneca segue normalmente no estado.
Postos suspendem aplicação da segunda dose da CoronaVac em Porto Alegre
Reprodução/RBS TV
Situação nas principais cidades do RS
Em Porto Alegre, a partir desta quarta-feira (28), somente a primeira dose será disponibilizada para a população acima dos 60 anos, não sendo possível aplicar a segunda dose por falta do imunizante. Segundo a prefeitura, farmácias parceiras voltam a vacinar profissionais da saúde após a chegada de novas doses em maio.
A Vigilância em Saúde do município estima que aproximadamente 30 mil pessoas aguardam o complemento da vacina.
Na Região Metropolitana, em Canoas, a vacinação em segunda dose foi suspensa. Segundo o município, são necessárias 12 mil doses para completar o reforço vacinal.
A Prefeitura de Novo Hamburgo estima que são necessárias 7,1 mil novas doses para completar a imunização da população que já tomou a primeira dose da CoronaVac. A cidade está vacinando apenas em primeira dose, com o imunizante Oxford/AstraZeneca, após agendamento.
Gravataí suspendeu a aplicação da segunda dose. Desde a chegada do último lote de vacinas, na última sexta-feira (23), Gravataí segue aplicando a primeira dose nas pessoas com 60 anos ou mais.
Ainda na Região Metropolitana, Montenegro e Sapiranga também anunciaram a suspensão da aplicação do reforço da CoronaVac.
A prefeitura de Santa Maria, na Região Central, suspendeu a vacinação em segunda dose. De acordo com o município, 8 mil pessoas que receberam a primeira dose entre 1º e 3 de abril estão com o reforço pendente.
Na cidade de Santo Ângelo, no Noroeste, o drive-thru de vacinação foi cancelado por falta de doses. São necessárias 2.747 doses para completar a imunização de idosos com idade entre 64 e 69 anos no município.
Na mesma região, Santa Rosa interrompeu a imunização, sem previsão de retorno. A prefeitura calcula que 1.670 pessoas que tomaram a primeira dose entre 25 e 39 de março estão em atraso.
No Sul do estado, Rio Grande encerrou a vacinação nesta quarta. A cidade só tinha 100 doses disponíveis no início da manhã.
Em Pelotas, a vacinação da segunda dose foi mantida apenas para idosos com 71 anos ou mais.
Em Bagé, na Campanha, as doses acabaram no sábado (24). A prefeitura estima que 1,5 mil pessoas estão na fila para a segunda aplicação.
Em Santana do Livramento, na Fronteira, a prefeitura suspendeu aplicação da segunda dose da CoronaVac. A cidade precisa de mil doses para concluir reforço e só tinha 380 no início da semana.
VÍDEOS: Tudo sobre o RS