Com abertura de UTIs SUS em Osório, ampliação de leitos no Litoral Norte chega a 135%

Capacidade de internação é ampliada em uma das regiões que mais recebe pessoas do Estado e até de fora do RS nesta época do ano.

Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini

Capacidade de internação é ampliada em uma das regiões que mais recebe pessoas do Estado e até de fora do RS nesta época do ano. (Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini)

Mais 10 leitos de UTI SUS foram abertos no Hospital São Vicente de Paulo, em Osório, nesta quarta-feira (13), pelo governador Eduardo Leite e pela secretária da Saúde, Arita Bergmann. Com essa nova ação do governo do Estado, a ampliação de leitos no Litoral Norte desde o início da pandemia chega a 135%.

“Seguimos empenhado em garantir atenção aos municípios tanto na questão da alta complexidade, com novos leitos de UTI SUS, quanto na prevenção à Covid-19 por meio distanciamento, que ainda é fundamental para que possamos reduzir o nível de contágio e a demanda hospitalar. Até que o Ministério da Saúde faça a habilitação desses leitos, o Estado vai garantir os recursos necessários para o funcionamento das novas UTIs”, destacou o governador.

No hospital, o governador e a secretária foram recebidos pelo diretor vice-presidente Francisco Luiz Moro e dirigentes da instituição, e pelo prefeito Roger Caputi. Depois de uma conversa que durou cerca de 30 minutos, com a participação de lideranças regionais, na qual foram abordados temas relacionados à gestão da pandemia e ao processo de imunização, Leite e Arita visitaram a ala onde estão sendo abertos os novos leitos de UTI adulto para pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde).

Esse foi o segundo reforço na estrutura hospitalar de Osório, desde o início da pandemia, com abertura de leitos. Foram 10 leitos de UTI que começaram a funcionar em abril e agora outros 10. Na região Covid de Capão da Canoa, número de leitos de UTI adulto pelo SUS chega a 61.

A medida vai aumentar a capacidade de internação de pacientes graves em uma das regiões que mais recebe pessoas de outras áreas e até de fora do Estado neste período do ano. De acordo com a direção do hospital, a população dos municípios no entorno que acaba utilizando a estrutura em Osório costuma saltar de 480 mil pessoas para 1,3 milhão no verão. A ocupação das UTIs na região na manhã desta quarta estava em cerca de 90%.

“Direcionamos especial atenção a este hospital, em Osório, pois sabemos da carência de leitos na região. Somamos, hoje, mais 10 leitos de UTI, que vão qualificar o atendimento não só aos moradores da cidade, mas a todo o Litoral Norte. Agradecemos pelo esforço e pela dedicação conjunta de diretores, prefeitos e profissionais da saúde neste momento delicado”, disse a secretária Arita.

Em todo o RS, com a abertura ou reativação de 100 leitos de UTI SUS, iniciada nesta semana, mais outros 68 de retaguarda, a ampliação na estrutura de internação de pacientes graves já alcança cerca de 115% – de 933 em março para 2.018 em janeiro.

Pela manhã, Leite esteve em Cruz Alta, onde também foram abertos 10 leitos de UTI SUS adulto. Na próxima semana, o governador deverá visitar outros hospitais que terão suas estruturas de atendimento reforçadas para o combate à Covid-19 no Estado.

Voltar Todas de Rio Grande do Sul