Ônibus não circulam em Guaíba pelo segundo dia seguido

Os ônibus que fazem o transporte de passageiros na cidade de Guaíba, na Região Metropolitana de Porto Alegre, não saíram das garagens na manhã desta terça-feira (12). É o segundo dia de protesto dos rodoviários da Expresso Assur, que reclamam de atraso no pagamento de salários e de benefícios.

Os rodoviários alegam que estão com os salários parcelado, benefícios com atraso e que ainda não receberam o 13º salário. A Expresso Assur alega que houve queda de arrecadação devido à pandemia e ao transporte clandestino e que não há dinheiro para quitar os débitos.

Na segunda-feira (11), o prefeito da cidade, Marcelo Maranata, se reuniu com a empresa e foi agendada uma audiência para esta terça-feira. Com intermediação do Tribunal Regional do Trabalho, a prefeitura, a empresa e o sindicato tentarão resolver o impasse.